3.8.12

Só as crianças é que gostam de bonecos!...


A BONECA - Não sei explicar a razão por que são tão pequenas as pessoas que vêm todas as noites ver o espetáculo!...
O BONECO - (Ri) São assim tão pequenas porque ainda não chegaram a grandes... As pessoas peque¬nas chamam-se crianças.
A BONECA - Isso não sabia eu... Era a única coisa que eu não tinha sido capaz de compreender!... Via umas pessoas maiores e outras mais pequenas, e não sabia a razão.
O BONECO - Ah! Ah! Ah!...
A BONECA - Naturalmente, estás-me a enganar?...
O BONECO - Não te estou a enganar, não... estou a rir-me do que terás para contar se não sabias que as pessoas antes de serem grandes começam por ser pequeninas!... (Ri.)
A BONECA - E não sabia! É alguma obrigação saber essas coisas? Se começas a rir, não te posso per¬guntar outra coisa que também não sei e que também aconteceu comigo...
O BONECO - O que foi? Pergunta!
A BONECA - Para onde é que vão as pessoas grandes?
O BONECO - Vão ver outras coisas!
A BONECA - Então há outras coisas?!
O BONECO - São só p'ràs pessoas grandes.
A BONECA - Ainda nunca vi... nunca aconteceu comigo... só sei do que já aconteceu comigo...
O BONECO - As coisas que há p'ràs pessoas grandes só quando acontecem connosco é que se com-preendem.
A BONECA - Talvez que ainda venham a acontecer comigo!... Contigo já aconteceram?
O BONECO - Também ainda não... Só as crianças é que gostam de bonecos... As pessoas grandes far¬taram-se de ver bonecos e foram ver outras coisas...

Almada Negreiros, Antes de Começar,
Obras Completas de Almada Negreiros VII Teatro.
Lisboa: I.N.-C.M., 1993.


I

1. Sobre que temas conversam as personagens?

2. Caracteriza a Boneca, a partir do seu comportamento e das opiniões que transmite ao Boneco.

3. Procede do mesmo modo para caracterizares o Boneco.

4. Faz o levantamento das diferenças e semelhanças entre os Bonecos e os Homens.

5. Indica o que mais intriga a Boneca relativamente às atitudes das crianças e dos adultos humanos.

6. As pessoas grandes fartaram-se de ver bonecos e foram ver outras coisas...
6.1. Analisa sintaticamente esta frase.
6.2. Reescreve-a, transpondo-a para o discurso indireto.

7. Refere quantas cenas e atos existem neste texto dramático e justifica a tua resposta.

8. Retira do texto dois exemplos de didascálias e justifica a sua utilização.

9. As pessoas grandes fartaram-se de ver bonecos e foram ver outras coisas...
Num texto de opinião, explica aos Bonecos que «outras coisas» se encontram à disposição das «pessoas grandes», na sociedade dos nossos dias, para além do teatro, obviamente.