27.5.10

A Fuga de Wang-Fô



1. Mestre e discípulo andavam pelas estradas do reino dos Han.
1.1 Identifica os seus nomes, assinalando a resposta correcta.
a) Wang-Tsai e Ming
b) Wang-Fô e Ling
c) Han e Liang

2. O discípulo revelava uma grande preocupação e generosidade para com o seu mestre.
2.1 De que modo o demonstra? (Assinala as respostas correctas.)
a) Oferecendo-lhe flores.
b) Massajando-lhe os pés.
c) Roubando fruta.
d) Mendigando arroz.
e) Roubando dinheiro.
f) Encostando-se a ele para o aquecer.

3. Centra-te na personagem principal.
3.1 Caracteriza-a física e psicologicamente.

4. Presta atenção ao local onde se desenrola a acção.
4.1 Refere-o, transcrevendo uma frase comprovativa.

5. «Uma tarde, ao pôr do Sol, chegaram aos subúrbios da capital [...].»
5.1 Como é descrito o local onde pernoitaram?
5.2 Que sentimentos despertou no mestre aquela estalagem?
5.3 Descreve o acontecimento importante ocorrido naquela madru¬gada.
5.4 O que pensou o discípulo sobre o que se estava a passar?

6. «Chegaram à entrada do palácio imperial.»
6.1 Retira do texto uma frase que revele a grandiosidade do mesmo.
6.2 Que música podia ouvir «quem atravessasse o palácio do nascer ao pôr do Sol»?

7. Detém-te na figura do Imperador
7.1 Indica os nomes que lhe são atribuídos, assinalando as opções correctas.
a) Jovem Arcanjo
b) Filho do Céu
c) Rapaz Celestial
d) Mestre Celeste
e) Majestade Suprema
f) Dragão Celeste
7.2 Que idade tinha?
7.3 Como o caracterizas?
7.4 Por que motivo mandou prender o mestre?
7.5 Para o Imperador, qual é o «único império onde vale a pena reinar»?
7.6 Apresenta o castigo atribuído ao velho pintor.

8. Identifica os recursos estilísticos presentes nas frases.
a) «Os soldados entraram com lanternas. [...] Rugiam como animais ferozes [...].»
b) «[...] cujas formas simbolizavam as estações, os pontos cardeais, a Lua e o Sol, a longevidade e a Omnipotência.»
c) «[...] os teus olhos são as duas portas mágicas por onde tu penetras no teu reino.»

Vocabulário
9. Diz o significado das palavras apresentadas.
«discípulo»
«subúrbios»
«Omnipotência»
«vagas» )
«bruxuleantes»
«soergueu»
«ancião»
«prece»
«enigmáticos»
«friccionava»
«fuligem»
«prosternado»
«avarentas»
«insinuavam»
«liteira»
«cercanias»
«longevidade»
«fealdade»

10. Explica o sentido da frase seguinte.
«Tu és como o Verão; eu sou como o Inverno.»

Funcionamento da Língua
11. Analisa sintacticamente os segmentos destacados.
a) «Os soldados entraram com lanternas.»
b) «Chegaram à entrada do palácio imperial.»
c) «— Dragão Celeste, disse Wang-Fô prosternado [...].»
12. Observa as frases.
a) «O velho pintor Wang-Fô e o seu discípulo Ling andavam pelas estradas do reino dos Han.»
b) «Ninguém pintava melhor que Wang-Fô as montanhas [...].»
c) «[...] Ling encostou-se a ele [...].»
d) «[...] quem é que iria ajudar o velho [...].»
12.1 Substitui as palavras destacadas pêlos pronomes correspondentes.
12.2 Identifica as subclasses de todos os pronomes.

Expressão Escrita
13. Ao analisares o título deste texto, certamente concluis que Wang-Fô conseguiu fugir.
13.1 Elabora um texto em que relates como o pintor escapou à morte.