7.4.10

A Central das Frases



...já te disse que são os do primeiro...
...e afinal não pudemos telefonar…
...ai nem queiras saber o engenheiro…
....se me dão licença eu vou contar…

...penses nisso era só o que faltava…
...não as outras duas é que são as tais…
...mas o senhor presidente autorizava…
...na avenida centenas de pardais…

...de facto muito inteligente…
...ó filha por aqui fazes favor…
...que veio ontem p'ra falar co'a gente…
...é mesmo lá ao fim do corredor…

Alexandre O'Neill

I

1. Justifica o emprego de reticências em todos os versos.
2. Imagina a/as situação/situações que está/estão na origem da produção deste poema.
3. Indica os elementos que permitem classificar este texto como poético.
4. Explica o título do poema.
5. Procede à escansão dos versos 5º e 6º.
6. Classifica este texto quanto à rima.


II

Tenta completar os versos do poema, imaginando o início e o final de cada frase.