5.6.09

Auto da Alma - global

1.Por que razão é que esta peça se intitula Auto da Alma?

2. O Auto da Alma é uma obra alegórica. Porquê?

3. Delimite as partes em que se divide este auto.

4. Por que razão é que Gil Vicente coloca em diálogo quatro doutores da Igreja?

5. Faça um resumo biográfico dos quatro doutores da Igreja que aparecem no auto, servindo-se para isso de material auxiliar (enciclopédias, dicionários, etc.).

6. Identifique os atributos definidores da natureza da personagem Alma.

7. Caracterize a natureza dupla da personagem Alma.

8. Segundo o Diabo, que factores permitirão à Alma alcançar o «prazer»?

9. Identifique as várias tentações com que o Diabo procura aliciar a Alma.

10. Assinale as várias hesitações da Alma em relação às tentações do Diabo.

11. A Igreja confessa perante a Alma os erros cometidos. Descreva essa confissão.

12. Que implicações provoca o facto de o Anjo e o Diabo não se poderem entender?

13. Diga o que entende por «livre arbítrio».

14. Caracterize a linguagem do Diabo.

15. Explique o significado de «Glória».

16. Que argumentos convencem a personagem Alma a caminhar para a Glória?

17. Explicite de que modo é que Gil Vicente no Auto da Alma manifesta certa fidelidade à concepção cristã do mundo.

18. Elabore um campo léxico-semântico sobre o tema «religião».

19. A imortalidade da alma e o problema da liberdade humana são problematizados neste auto. Numa composição cuidada, comente este facto e dê a sua opinião sobre o assunto, fundamentando-a com elementos do texto.