21.3.09

Desconcerto do Mundo




Os bons vi sempre passar
No Mundo graves tormentos;
E pêra mais me espantar,
Os maus vi sempre nadar
Em mar de contentamentos.
Cuidando alcançar assim
O bem tão mal ordenado,
Fui mau, mas fui castigado.
Assim que, só pêra mim,
Anda o Mundo concertado.

Luís de Camões


I

1. Segundo o sujeito poético, como estão distribuídos, no mundo, o prémio e o castigo?
1.1 Em função do que viu, como decidiu proceder?
1.1.1 Refere as consequências do seu procedimento.
1.2 Que conclusão tirou do que viu e do que fez?
1.2.1 Indica os versos que apresentam essa conclusão.

2. Selecciona do texto frases que apresente uma metáfora e uma hipérbole.
2.1 Clarifica o seu valor expressivo.

3. Interpreta o título do poema. Esclarece a sua importância.

4. Faz a sua análise formal.


II

1. Integra na respectiva classe e subclasse as seguintes palavras:
a) «Sempre» (v. 1)
b) «bem» (v. 7)
c) «só» (v. 9)

2. Refere palavras da família de «desconcerto».

3. Esclarece o valor aspectual implícito no último verso.