28.9.08

Antes de Começar

I

1. Almada Negreiros era escritor. Refere mais duas actividades exercidas pelo autor.
2. Indica o local onde Almada nasceu.
3. Qual o nome do grupo em que o autor participou, juntamente com Fernando Pessoa e Mário de Sá Carneiro?
4. Em que data faleceu Almada?


II

Preenche os espaços em branco de forma a teres um texto coeso e coerente:


O texto é escrito por um ______________: a sua tarefa é pôr as palavras no papel e criar um todo que é a peça. Quem coloca em cena a peça é o ___________________ que escolhe e instrui os ________________ que irão inter-pretar as personagens, dialoga com o ______________ sobre o colorido do cenário, troca impressões com o ______________ que em esboço vai vestindo as persona-gens. Concluída a __________________, falta apenas o __________________.
Quando se fala em texto __________________, fala-se num texto para ser representado.
No texto dramático não há _____________________ (o espectador vê os __________________, vê as roupas, vê as _________________); não há normal-mente _______________________: as personagens manifestam as suas _________________, os seus ____________________, o seu lugar na _________________, agindo diante do ___________________ . O texto dramático é constituído por um texto _______________ que integra as _______________ das personagens e por um texto _________________ ou de __________________ for-mado pelas __________________ que integram todas as indicações _____________________.


III

Atenta, agora, no excerto apresentado, retirado da peça de Almada Negreiros Antes de Começar.

(Depois de subir o pano, ouve-se um tambor que se vai afastando. Quando já mal se ouve o tambor, o Boneco levanta-se, e vai espreitar ao fundo para fora. Entretanto a Boneca senta-se e está admirada de ver o Boneco a andar. Quando o Boneco volta para o lugar, fica admirado de ver a Boneca sentada a olhar para ele.)

O Boneco Tu também te mexes como as pessoas?!
A Boneca (Muito baixinho.) Chiu!...
O Boneco Só agora é que dei por isso!
A Boneca (Idem.) Chiu!...
O Boneco Eu julgava que de nós os dois era eu só que podia mexer-me!
A Boneca (Sempre muito baixinho.) Eu também julgava que de nós os dois, era eu a única que podia mexer-me!
O Boneco E nunca sentiste a puxar por ti todas noites?!
A Boneca (Idem.) É que eu julgava que era o Homem que puxava por mim!
O Boneco E tu? Puxaste por mim alguma vez?
A Boneca (Idem.) Nunca... nunca experimentei puxar por ti... Eu tinha pena, se ao puxar por ti, tu não te mexesses. Por isso nunca experimentei!...
O Boneco Pois eu, todas as noites, quando o tambor do Homem já vai longe, levanto-me e vou espreitar para fora...
A Boneca Nunca te vi assim!... Às vezes sentia puxarem por mim mas julgava que era o Homem... e deixava-me estar boneca...
O Boneco Se eu soubesse que tu eras como eu!
A Boneca Se eu soubesse que também tu eras assim!



1. O excerto transcrito apresenta uma organização diferente da dos textos narrativos.
1.1. Que género de texto é a peça Antes de Começar?
1.2. Como se chamam as passagens em itálico e entre parênteses?
1.3. Para que servem essa informações?

2. Explica o título da peça.

3. A partir das indicações cénicas, diz onde se passa esta história.

4. Assistimos a um diálogo entre duas personagens.
4.1. Quem são?
4.2. O que fazem naquele local?
4.3. Indica outras personagens que não interferem no diálogo, mas que são importantes para o desenrolar do texto.

5. Qual é a situação que permite que se desenrole este diálogo entre as duas personagens?

6. De repente, no silêncio, o Boneco e a Boneca descobrem algo.
6.1. Do que se trata?
6.2. Porque não tinha o Boneco descoberto há mais tempo que a sua companheira mexia e falava?
6.3. E ela, por que razão não tinha feito a mesma descoberta em relação ao amigo?

7. Explica o sentido das duas últimas falas, apresentadas no excerto.

8. Podemos afirmar que apesar de terem aspectos em comum, têm traços psicológicos diferentes.
Quais os principais traços que os distinguem?

9. Sobre que assuntos conversam os dois bonecos?

10. Na parte final da peça faz-se uma reflexão sobre o papel que o “coração” desempenha na vida.
10.1. O que desempenha, neste contexto, a palavra “coração”?
10.2. Que importância tem para a Boneca o “coração”?

11. Como acaba a peça Antes de Começar?


IV



1. Reescreve as frases que se seguem substituindo as palavras em itálico por pronomes.
1.1. O Boneco afirmou que a Boneca falava muito baixo.
1.2. A Boneca chamou o Boneco.

2. Substitui, nas frases, o adjectivo que se encontra no grau superlativo absoluto analítico pelo superlativo absoluto sintético.
2.1. Os Bonecos ficaram muito amigos.
2.2. A Boneca achava que o Boneco era muito sábio.

3. Sabendo que a palavra “coração” é uma palavra polissémica, escreve um pequeno texto, onde utilizes este vocábulo com diferentes significados.